Serra de Monchique: Cerro dos Picos à esquerda, Fóia ao centro e Picota à esquerda
Glossário - Letra G
Vocábulo Pronúncia Significado Exemplo

Gabadela ou gabanço ou gabão

gabadela ou gabanç' ou gâbão

Elogio.

Ex: Que grande gabadela qu’a Jôquina te deu… Se calhar, ‘tá enteressada em ti. – Chega p’ra lá essa boca… Só dizes pravoêras…

Gabar

gabar

Elogiar; desejar; querer; gostar; concordar.

Ex: Grande prosáipa qu' aquele estapôr do Penisga tem... – Só gabava qu' havesse quem l'e meté-se um cagáiço, qu' era p'a ele amaciar...

Gabazola

gabazola

Gabarola.

Ex: G’ande gabazola que me saíste!...

Gàchinha-gàchinha

gàchinha-gàchinha

Modo de chamar as galinhas; tica-tica; pi-pi-pi; pita-pita.

Ex: Dêxa-me lá ver s’esta galinha tem ovo. Gàchinha-gàchinha-gàchinha! Anda cá. E tem.

Gadelha

gâdêlha

Cabelo comprido e despenteado; guedelha; lã.

Ex: Vai-me pentear essa gadelha, qu’ê nã te posso ver assim!...

Gadelhudo

gâd'lhud'

Cabeludo; guedelhudo; lanzudo.

Ex: Esta malta nova agora sã todos os gadelhudos qu’até dá nonjo. Alguns há-dem ter piolhos c'm' nôt's tempos.

Gaitada

gaitada

Coito; cópula; toque de gaita de bêços.

Ex: Atã mê amigo, foi à Vila Nova? E foste às moças dar uma gaitada? Diz lá a verdade.

Gala

gala

Galadela.

Ex: Prima, os ovos das sus galinhas têm gala, nã me troca aí uma dúiza p’ra ê dêtar uma galinha da índia que tenho ali choca, fazendo favor?

Galadela

galadela

Cópula entre aves.

Ex: O mê galo nã dêxa as galinhas descansadas. ‘Tá semp’a ‘le dar galadelas…

Galado

galad'

Ovo fertilizado por galadela.

Ex: Precisava de dêtar uma galinha e nã tenho ovos galados. Ond’é qu’hê-d’ir arranjar uma dúiza deles?

Galapear

gâlâpiár

Roubar; limpar.

Ex: Tinha ali uma amêxêra temprôa carregadinha, mái já me galapearam as amêxas quái todas.

Galar

gâlár

Fecundar; cobrir.

Ex: O raio do galo nã faz ôtra coisa que galar as galinhas. Inda me dá cabo delas....

Galga

galga

Pescoço.

Ex: Tó, diebe!... Tens uma galga que pareces uma girafa.

Galga no ar (estar de)

'tar'de galga no'ar

Espreitar; estar atento ao que passa à sua volta; assomar-se; engrilar; devassar; bispar.

Ex: Aquela ‘tá semp’e de galga no ar. Nã se pode d’zer nada qu’ela ouve tudo…

Galheta

galheta

Bofetada; estalada; chapada; latada; tabefe; lembefe; manetada.

Ex: Os mês moços foram acostumados assim. Se responderem levam logo uma galheta.

Galhofa

galhofa

Risota; brincadeira; charola.

Ex: Acabem lá com a galhofa e ponham-s’a dormir, vá!...

Galinha-à-mó ou galinha-de-bico-amarelo

galinh'à-mó ou galinha-d'-bic'-amarel'

Papas-de-milho; papas; miroilas; xerém; avélas; papas-soltêras.

 Ex: O qu’é que temos p’a c’mer hoje, mãe? – Olha, é galinha-à-mó…

Galo

gal'

Alto ou inchaço na cabeça resultante de pancada.

Ex: Mãe, o Zé Manel dé-me uma pedrada na cabeça!... – Mostra lá. Tó!... que grande galo que tens aqui!...

Ganas

ganas

Força; entusiasmo; pescoço; ódio; ira; raiva; goélas; garganhol; gavierra; veneta; géno; ravasca; derrepente; alvriamento; rabeada; sezão.

Ex: Nã sê perque nã t’aperto já as ganas?!... | Tenh’l’umas ganas que nem o posso ver na minha frente!...

Ganas (dar nas)

dar'nas ganas

Apetecer.

Ex: S’ê fosse a ti, hoje nã ia à Vila, qu’ist’é capaz de chover… – A questã é que me dê nas ganas…

Ganchôrra

ganchôrra

Ancinho.

Ex: Traz aí a ganchôrra e vamos ajuntar ali umas folhas p’à cama do porque.

Gangueão

ganguião

Cambaleio; desequilíbrio; lóre.

Ex: Com os copos qu’ele bebeu nã há-d’ir ôs gangueons?...

Ganguear

ganguiar

Cambalear; desequilibrar-se; andar ôs lóres; aqui caio, além m'alevanto.

Ex: Tenho a atensão tã baxa que nã dô andado sem ganguear.

Ganão

gânão

Ganancioso; avarento; ambicioso; egoísta; sagôrro; fònica; interessêro; agarrado.

Ex: Mái atã aquele homem, méme ô D'mingo, leva ali a trabalhar naquela fazenda... – Aquilo é um ganão do pior que há. Nada l'e dá àvonde...

Garepe

gârép'

Ver carepe.

 

Gargalo

gârgal'

Pescoço; cachaço; galga; goélas; carcanhol; garganhol; tatuço; ganas; papo.

Ex: O qu' é que 'tás aí de gargalo espetado dessa manêra? – 'Tô a ver se descubro o qu' é aquilo qu' anda àlém daquele lado. Nã vês? Sará um escalavardo?

Gargaludo

gârgâlud'

Galo ou galinha sem penas no pescoço.

Ex: Q’ondo dêto ovos  nascem-me sempre pintos gargaludos. Isto é pré causa do galo ser assim.

Garganhol

gârgânhól

Pescoço; garganta; carcanhol; ganas; goélas .

Ex: O Tóino da Portela deu um aperto de garganhol ó Mané Chico qu' ele ia gomitando as tripas...

Gargolejar

gârgul'jár

Ver gragolejar.

 

Gargolêjo

gârgulêj'

Ver gragolêjo.

 

Garrão

garrão

Aguaceiro; pequena extensão de mato cerrado; ripada d’água.

Ex: Em passando este garrão, vou-me logo embora antes qu’ele chova más. | Repara bem além naquele garrão de estevas qu’é capaz de sair d’além um coelhote.

Garrêa

gârrêa

Zanga; discussão; luta; descompostura; repreensão; reprimenda; daquelas qu' os cã nã gostam; das qu' os cã nã gostam; garreão, desanda.

Ex: Ontem à nôte dé-se uma garrêa além no Cord'Vale qu'até dava festa. Dôs bêbados engalfenhados... Q'ond'um caía o ôt' ia atrás...

Garreão

gârrião

Zanga; discussão; luta; descompostura; repreensão; reprimenda; daquelas qu' os cã nã gostam; das qu' os cã nã gostam; garrêa; desanda.

Ex: Olha lá, porta-te lá bem que, pre mode ti, já ôvi um garreão da mãe sem falta nenhuma...

Garrear

gârriár

Zangar-se com alguém; discutir; lutar.

Ex: Mái atão vocês ‘tão sempr’a garrear? Nunca têm um coisinho de sossego?...

Garrento

gârrent'

Com sarro; utilizado para as sardinhas conservadas em sal durante muito tempo.

Ex: Digam o que d'zerem, umas papinhas com umassardinhitas garrentas assadas no borralho inda me sabem bem...

Garro

garr'

Sarro; resíduo.

Ex: O ti Chico do Esteval veve além numa desgraça qu'até dá dó. Passí, inda agora, além, o prato adond' ele come até tem garro... Pobrezinho...

Garrôcho

gârrôch'

Pau ligeiramente curvo que se atravessa e enrola na corda da sobrecarga para a apertar, segurando convenientemente a carga da besta.

Ex: Apertaste bem o baraço da sobrecarga com o garrocho? Béque-me a carga vai a pender p’àquele lado…

Garrote

gârrót'

Consumo; desbaste; tentativa; arremetida; arrencada; fiaço.

Ex: Tal foi este garrote que deste aqui ô vinho… F’cô a garrafa quái vazia…

Garrotilho

gârrutílh'

Difteria.

Ex: Nunca ouvi falar nisso. – O quem, garrotilho? Isso era um mal munto p’rigoso que dava nas goélas. ‘Inda ouve por aí quem morresse disso noutros tempos.

Gaseado

gâziád'

Excêntrico; doido; desorientado; trôxa; empachado; ingònhado; engònhado; enrascado; vergonhoso; basbana; tramôco; esgròviado; chalado; gaseado; emparvoado; emparvatado; pôcachinho.

Ex: Aquele moço nã tem tento nenhum. Anda cada vez más gaseado.

Gasómetro

gâsóm'tr'

Utensílio para iluminação no interior das minas, que usa como combustível gás resultante da mistura, no seu interior, de carbureto com água.

Ex: Este gasómetro é dos bons. Vê-se quái tã bem aqui drento da mina como lá fora.

Gáspea

gáspia

Parte da bota e do sapato que cobre o pé.

Ex: Tive que mandar pôr umas gáspeas novas nestas botas qu’elas já ‘tavam munto estragadas.

Gastura

gastura

Indisposição; mau gosto; ânsias; ansiedade; agastura.

Ex: Nã posso c’mer nada que fic’logo com umas gasturas!... – Oh! Prima, isso nã será coisa de fígado?...

Gatafunho

gatafunh'

Letra ilegível.

Ex: Atão já andas na quarta classe e fazes uns gatafunhos desses?!...

Gatêra

gatêra

Buraco na parte inferior da porta de entrada para permitir a passagem dos gatos com a porta fechada.

Ex: Tive que fazer uma gatêra nesta porta qu’o mê gato ficava-me as nôtes aí por fora e os ratos andavam aqui à vontade…

Gato-brabo ou gato-cravo

gat'-brab' ou gat'-crav'

Gineta; gato-bravo; lince ibérico.

Ex: Tive que fazer uma gatêra nesta porta qu’o mê gato ficava-me as nôtes aí por fora e os ratos andavam aqui à vontade…

Gato-pingado

gat'-pingad'

Desgraçado; coitado; maltrapilho; de baixa condição social; pouco inteligente; acanhado; reles; pobre; trôxa; empachado; engònhado; enrascado; vergonhoso; basbana; tramôco; esgròviado; chalado; gaseado; emparvoado; emparvatado; pobre-triste; pobre-diabo; desinfeliz; pindérico.

Ex: Um gato-pingado destes e tem a mania qu' é munto emportante. Vai pentear cágados.

Gavela ou gavelo

gavela (como bela) ou gavel'(como novelo)

Luta corpo a corpo; pultão; engavela; ingavela; engavelo; ingavelo.

Ex: Haveras de ter chegado mái cedo p’ra veres a gavela qu’houve aqui… O tóino e jôquim par’ciam dôs galos-da-índia…

Gavierra

gaviérra (como em serra)

Ímpeto; precipitação; atitude ou decisão repentina; impulso; veneta; derrepente; ravasca; alvriamento; rabeada; géno; ganas; sezão.

Ex: Ê já nã ‘tava a ver aquilo bem. Dê-me uma gavierra, fui-m’embora!...

Gavino

gâvín'

Irrequieto; difícil; matreiro; esperto; desenrascado; ruaz; rabalão; malino; raguingoso; rabino.

Ex: Este moç’ p’queno é tã gavino… Só faz travessuras…

Gazio

gâzí'

Esbugalhado; arregalado; pisco; matreiro.

Ex: Dá-me aflição d’olhar p’àquela mulher. Tem os olhos tã gazios…

Geada dente de cão

geada dent'd'cão

Diz-se da geada cujas peças de gelo têm vários centímetros de altura.

Ex: Tal é este geadão que 'tá aí?!... – Esta é da dente de cão. àlém daquela banda até se m' interravam as botas drento dela…

Géno

gé-n'

Ira; raiva; fúria; ganas; marfação; aguamento; gavierra; veneta; ravasca; derrepente; alvriamento; ganas; rabeada; gavierra.

Ex: O Tóino? Nã se l'e pode d'zer nada qu'ele tem munto géno e embruta logo.

Gentío

gentí'

Multidão.

Ex: Fui ô mercado, mái vim-me logo embora. Aquilo era um gentío que custava-se lá a andar…

Gènudo

gè-núd'

Irritadiço; comichoso.

Ex: Eh'q, ser assim tamém tã gènudo nã tem graça nenhuma. Nã se l'e pode d'zer nada, fica logo marafado.

Geraldina (andar na)

andar'na j'raldina

Passear; divertir-se; charolar; andar na charola; andar na boavaiela; andar na ratôiça; andar no laré.

Ex: Mái atão do qu’é que vive aquele moço além da Corte? Anda sempr’ aí na geraldina nã o vejo fazer nada…

Gilbrabêro

gilbrabêr'

Gilbarbeira; gilbardeira.

Ex: Que braçado é esse de ramaja que levas aí?... – Isto é gilbrabêro p' a enfêtar o Menino Jasus. É a ramaja qu' ê cá mái gosto p'a pôr no presepo...

Gingalho

gingalh'

Que abana; que está em equilíbrio precário; incensário ou turíbulo.

Ex: Sempr’és tu que vás levar o gingalho na precissão? – Sou. – Atã tens que vestir a opa.

Gôchinho

gôchinh'

Dobrado com dores ou por deformação óssea.

Ex: Coitada da ti Maria… Já anda toda gôchinha… – Aquilo é da ‘spinha. ‘Tá toda tortinha com dores.

Goéla ou goélas

gu-éla

Garganta; pescoço; ganas.

Ex: Tenho aqui uma dor nas goelas que custo a engolir o cuspo… Isto foi duma corrente d’ar qu’ê panhí.

Golada

gulada

Gole; solvo; pirolito.

Ex: Anda cá... Bebe-l'e aqui uma goladinha de vinho com a gente...

Golpe

golp'

Corte; ferida resultante de instrumento cortante; cada grupo de sementes que põem no rego, que dará origem a uma pèzêra; cortilada; cortadela.

Ex: Descudí-me com o machado, fiz aqui um golpe nesta perna qu' até vi 'strelas... – Tanta vez qu' ê t' tenh' dito p'a ter's cudado com o machado... | Nã t' esqueças qu' est's aqui levam set' golpes. E põs quatro bag's de milho em cada golpe. – E nos enterval's? Leva dôs bag's de fêjão?

Gomitar

gumitar

Vomitar; chamar p’lo grigóiro; emborrachar; bolsar.

Ex: ‘Tô com umas ãinsas que nã m’aguento sem gomitar…

Gôrdar

gôrdár

Guardar (a sílaba inicial ‘guar’ pronuncia-se ‘gôr’ quando não é tónica).

Ex: Já gôrdaste a roupa na cóm’da?; gôrdí-te aqui uns q’ontos figos qu’ê sê que tu gosta munto; vamos gôrdar a loiça na gaveta.

Gornida

gurnida

Grande quantidade de gornidos.

Ex: Ist' hoje tem sido aí uma gornida toda a manhã qu'é um desparate... Nã vê, este Sábado dá boa matação, aprovêtaram todos p'a matar o pórco.

Gornido ou gornidela

gurnid' ou gurnidela

Grunhido.

Ex: Nã há melhor matador qu'aqui o mê padrinho... Tanchô-l'e a faca, o pórco dêtô o sãingue todo p'ra fora e nem um gornido deu...

Gornir

gurnir

Grunhir.

Ex: Os porcos têm fome. ‘Tão p’ali a gornir tanto…

Gôro

gôr'

Ovo chocado que não produziu pinto por não estar galado.

Ex: Nesta chocadura só f’cou um ovo gôro. Vou dêxá-lo p’a indez.

Gòrpelha

gòrpêlha

Utensílio feito de empreita utilizado no dorso das bestas como recipiente de carga.

Ex: O qu’é que trazes aí na gorpelha em cima do burro? – Uma carga d’abób’ras qu’ê fui buscar à Refóias.

Gósma

gósma

Asma; doença das galinhas.

Ex: Já me morreram duas galinhas e tenho outra doente. – O que sará isso? – Ist’é gosma qu' elas têm. C’meçam a brir o bico, parece têm falta d’ar, vão, vão, morrem.

Gòsma (à)

à gòsma

Á custa de; às tenças.

Ex: Nã me dás aí um cigarrinho, Manel? – Que jêto? Andas semp’à gosma, pensas qu’ê sou tê pai ó quem?!...

Gòsmista

gòsmísta

Oportunista; parasita.

Ex: Já viste bem aquele gòsmista? Nã faz nada e depôs anda a pedir coisas a um e a outro…

Gotêras

g'têras

Pingos resultantes da escorrência da água da chuva pelas telhas; pinguêra.

Ex: Escuta!... Béque-me parece as gotêras a pingar. Vê lá se ‘tá a chover?

Goto (dar no)

dar'no gôt'

Engasgar-se.

Ex: Vês? Ê nã te disse p’a c’meres com precêto? Agora dé-te no goto, ‘tás à rasca…

Governar-se

guv'rnar-s'

Servir-se; remedear-se; desenrascar-se; defecar; evacuar (geralmente ao ar livre, no campo, atrás de um arbusto); obrar; dar de corpo; fazer o serviço; fazer o presente; fazer as necessidades; sujar.

Ex: Nã tinha a inxada governí-me méme com o chacho. | Já ‘tava tã apertado que tive de me governar m´me ali atrás duma jastra.

Governo

guvern'

Serviço; trabalho.

Ex: Hoje já fazemos aqui um belo governo. | Aquilo é qu’é uma m’lher de governo…

Gozão

guzão

Brincalhão; provocador; malandro; maroto; cão; judeu.

Ex: És munto gozão, mas nã te esqueças que tamém te pode acab'dar a ti…

Gozo

gôze

Brincadeira; troça.

Ex: Mái atão, que conversa era aquela do Manel, qu' ê nã gostí nada daquilo?... – Nã faças caso qu' ele 'tava no gozo…

Graça

graça

Nome de baptismo.

Ex: Ê béque-me a conheço, mái nã m’alembro bem da sua graça… – Sou a ‘Zabel… – Ah!... Se ‘tá d’ferente…

Gràdear

gràdiár

Passar a terra lavrada com uma grade de madeira, puxada por uma besta, junta ou parelha, com a finalidade de a destorroar e regularizar de forma a ficar preparada para ser semeada.

Ex: Amanhã nã te posso ajudar qu’ê tenho qu’ir gràdear ali o cantêro de baxo. Só se dêxares isso p’a despôs d’amanhã…

Graganêro

grâgânêr'

Guloso; comilão; precipitado; egoísta.

Ex: Toma conta qu’o graganêro do Tóino come-t’isso tudo e ficas sem nada…

Graganhol

grâgânhól

Ver garganhol.

 

Gragolejar

grâgul'j'ar

Gargarejar.

Ex: Tenho uma dor nas goélas que nã dou engolido nada!... – Exp’rimenta a gragolejar este remédio qu’o senhor doutor me recêtou, qu’isso passa-te.

Gragolêjo

grâgulêj'

Gargarejo.

Ex: Logo ô primêro gargolêjo, engasguí-me…

Gragomilos ou gragomilhos

grâg'míl's ou grâg'mílh's

Amígdalas; garganta; goélas.

Ex: Qualquer coisa que me toque nos gragomilhos dá-me logo uma aflição… Punhefra!... Começo log’a gomitar…

Gramá-las

grâmá-las

Levar pancada.

Ex: Portô-se mal com-migo, mái tarde ó mái cedo, tem que gramá-las …

Gramar

grâmár

Aturar; aguentar; levar pancada; alancar; amòchar.

Ex: Mái atã agora tarê que gramar esta desgraça o resto da tarde?!... É qu' ele ná se cala nem um 'stante...

Grandinho

grandinh'

Crescidote; crescido; medianamente grande; um belo.

Ex: Mái atão ele já é grandinho já era p’a ter outros modes…

Granhão

gr'nhão

Grânulo; grumo; grenhão.

Ex: Põe pouca farinha de cada vez e vai semp’e mexendo bem, senã as papas ficam chêas de granhons.

Gravajo

grâváj'

Qualquer pequeno objecto estranho que se aloja debaixo das pálpebras.

Ex: Assopra-me lá aqui pr’a est’ olho qu’entrou-me pr’aqui um gravajo e nã no dô tirado.

Gravajo-gravajinho

grâváj'grâvâjính'

Lenga-lenga destinada a ajudar a retirar um gravajo dos olhos. Era recitada enquanto se segurava com os dedos, simultaneamente, nas pestanas superiores e inferiores do olho, deslocando-as de um lado para o outro: gravajo, gravajinho / vai p’ô tê polêrinho / q’ondo a minha mãe cozer / log’ te dá um brindêrinho.

Ex: Tenho aqui uma coisa num olho... Ai, que ardor!... – Ó m'lher, faz o gravajo-gravajinho...

Grenhão

gr'nhão

Grânulo; grumo; granhão.

Ex: Põe pouca farinha de cada vez e vai semp’e mexendo bem, senã as papas ficam chêas de grenhons.

Greta

greta

Fenda; rachadura.

Ex: Ai, que dores qu’ê tenh’aqui no calcanhar!... Vê lá o qu’é qu’ê tem’aqui!... – Ata tens isto chêo de gretas, nã t’há-de doer…

Grigóiro (chamar p’lo)

ch'mar p'o grigóir'

Vomitar; gomitar; emborrachar.

Ex: L’ví toda a nôte com ãinsas, enq’onto nã chamí p’lo grigóiro nã al’vií…

Grila

grila

Pénis dum jovem;pingalhete; coiso; minhoca.

Ex: Ó Tòininho, guarda a grila senã vem um gato e come-a…

Grisa ou grísea

grisa ou grísia

Fome; laberca;larica; lazêra.

Ex: ‘Inda o jantar demora munto? ‘Tô cá com uma grisa…

Griséu

griséus

Ervilha seca.

Ex: Nã sabia o qu’havera de fazer de c’mer, cozi p’ali uns griséus com batatas…

Groja

groja

Voz forte; conversa fiada; lábia; palavreado; palheta; palêo; charola; lambarêo.

Ex: Tal é aquela groja qu’o moço pequeno do Manel do Brejo já tem!?... nã ‘l’olhem ô tamanho… | Tu só tens é groja. Fazer, nã fazes nada…

Grosa

grosa

Lima; doze dúzias; embalagem.

Ex: Ê cá, p' alisar o cabo da inxada, uso sempre uma grossa e só, despôs, é qu' o arraspo com uma faca. | Venda-me lá aí uma grosa de forfes, fazendo favor.

Grósso

gróss'

Áspero.

Ex: Tenh’a pele das mãs tam grossa que nã o qu’hê-de fazer. Nem posso tocar nas nêas de vidro que dou logo cabo delas.

Guano

gu-an'

Adubo; buano; amóino.

Ex: Este ano comprí três sacos de guano p’a pôr nas batatas, vamos lá a ver s’elas produzem melhor qu’ô ano passado…

Guinar

guinar

Voltar rapidamente; inclinar-se; avargar; dar varêjo; pender.

Ex: Aquele há-de ir escarado... Ia além munto, de repemte, guinô p' ô mê da estrada...

Guinchar

guinchar

Gritar; gemer; chiar.

Ex: Levam aqueles môces tod’ô santo dia a guinchar, quem é qu’aguenta ist’, Senhor!?...

Gulosêra

g'lusêra

Guloseima; lembedoiro.

Ex: Venda-me lá aí uns rabeçadinhos p’a levar p´ôs mês moces, que s’ê parêço lá sem uma gulosêra, eles nã me largam.

Gume

gum'

Parte cortante da faca ou de outro utensílio de corte.

Ex: Esta faca tem o gume todo dentado, o qu’é qu’andaste a fazer com ela?

Gurita

gurita

Marco geodésico; correpito; talefo.

Ex: Mém’ assim, semp’e gostava de saber, p’a que servirão aquelas guritas qu’eles põem aí no bico d’alguns serros?... – Sê cá!? Aquilo nã sará pre casa dos avions? – Nã!... Aquilo tem coisa que se ‘le diga…

Email: refoias
©O Parente da Refóias
Última mexida: 03-Oct-2010

Site Meter